PRÉ-CONFERÊNCIA DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE É REALIZADA EM SÃO DESIDÉRIO

18 de out de 2018

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), órgão vinculado à Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS), realizou na tarde de quarta-feira 17, a Pré-Conferência dos Direitos da Criança e do adolescente.

Na abertura do evento, realizada no Centro Cultural, estudantes da sede, de escolas da zona rural e professores participaram do momento, que também contou com a presença do presidente do CMDCA, Josias Pereira, da representante da Secretaria de Assistência Social, Méria Dias, da secretária de Educação, Iléia Almeida, do representante do Conselho Tutelar, Edilton Vieira, das representantes do Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS), Ione Menezes e de Educação (CME), Anna Cláudia Almeida.

“Agradeço a parceria de todos os envolvidos em busca dos direitos da criança e do adolescente. Estamos felizes pela participação de todos aqui, principalmente das crianças e os adolescentes que são os protagonistas das políticas públicas”, destacou o presidente Josias ao apresentar a formação do CMDCA.

Norteada pela temática central “Proteção Integral, diversidade e enfrentamento das violências”, os participantes também prestigiaram apresentações culturais na abertura. “Este é um espaço amplo de democracia e discussões”, afirmou a representante da SAS, Méria Dias. “Sempre contamos com o apoio dos conselhos na área da educação, pois temos muitos desafios, e é importante a participação de crianças e adolescentes nesse diálogo pré-conferência”, complementou a secretária Iléia.

A programação teve continuidade na Escola Estadual Antônio Carlos Magalhães, onde os participantes discutiram cinco eixos temáticos, seguido da elaboração das propostas que serão encaminhadas para a Conferência Municipal, prevista para acontecer em novembro. “Estou participando para conhecer sobre os direitos das crianças e dos adolescentes e por isso está sendo muito importante para mim”, declarou a estudante Vitória Santos, 11 anos, da Escola Municipal João Vieira de Barros, em Ilha do Vítor

  • Compartilhe:

Publicidade