PESQUISA INDICA QUE IRMÃO LÁZARO ATINGIU TETO DE INTENÇÕES DE VOTO E DEVE COMEÇAR A DECLINAR

26 de set de 2018

Irmão Lázaro começa a se enfraquecer, segundo pesquisa divulgada pela Record

O resultado da pesquisa Big Data Real Time para senador, divulgada hoje pela TV Record, deve marcar o início do declínio do candidato Irmão Lázaro na corrida pelo Senado, na avaliação de seus próprios correligionários e também do PT. Para a maioria, Lázaro chegou ao teto, termo utilizado quando o candidato não tem mais para onde subir e pode, pelo contrário, começar a cair. O candidato do PSC paga o preço de vir apresentando uma mensagem fraca e vazia na televisão e de ter sido alvejado pelo PT, mas, principalmente, da traição que praticou contra os candidatos a deputado da coligação liderada pelo postulante a governador José Ronaldo (DEM). Depois de fechar um acordo para indicá-lo como candidato ao Senado na chapa de Ronaldo, o PSC decidiu, na madrugada, romper o acerto de integrar o chapão para montar uma chapinha com o PTB. O resultado é que, revoltados com a diminuição no quociente para a eleição, os candidatos à Câmara dos Deputados e à Assembleia do grupo simplesmente abandonaram Lázaro à própria sorte e o prefeito ACM Neto (DEM), igualmente indignado com a atitude, nunca aceitou pedir votos para ele. Pelo visto, Irmão Lázaro, que chama os eleitores de “amados”, está indo “pro saco”.

 

Via: Política Livre

  • Compartilhe:

Publicidade