“PARA FESTA NINGUÉM NOS CONVIDOU, AGORA PARA O ENTERRO NOS CONVIDAM” DIZ LÚCIO VIEIRA LIMA

25 de abr de 2018

Do Politica Livre

Depois de muitos cálculos, deputados oposicionistas começam a se convencer de que, ao invés de agrupar os partidos em mais de uma chapa para a disputa proporcional, o melhor seria montar um chapão com todos as 17 legendas reunidas. A única que ficaria de fora, por decisão própria, seria o MDB. Um assessor do deputado federal Lúcio Vieira Lima, que comanda a legenda, diz que a sigla não aceita integrar o chapão de jeito nenhum. E repete uma frase que o ouviu dizendo recentemente: “Para a festa ninguém nos convidou, agora para o enterro convidam e ainda querem que a gente segure a alça do caixão”. A festa é uma referência à ex-candidatura de ACM Neto (DEM), que não queria coligação com o MDB. Já o enterro, permite uma interpretação mais… livre.

  • Compartilhe:

Publicidade