NOVO AVANÇO DA COVID-19 OBRIGA PREFEITO DE SALVADOR A FECHAR PARQUES PÚBLICOS

19 de fev de 2021

Em entrevista ao programa Ligação Direta, da rádio Salvador FM, na manhã desta sexta-feira (19), o prefeito Bruno Reis anunciou novas medidas para conter o coronavírus na capital baiana, além do toque de recolher, já anunciado pelo governo do estado. Segundo o Reis, o funcionamento das secretarias será novamente alterado para diminuir a circulação de pessoas nas ruas da cidade. “Apenas a prefeitura e as secretarias que trabalham de frente no combate à covid-19 continuam trabalhando”, disse o prefeito.

A ação deve ser a mesma do decreto implementado em março do ano passado, logo no início da pandemia. Reis ainda informou sobre o fechamento de parques públicos. “Em alguns bairros, como Pituba, Itapuã e Brotas, que são os bairros que até hoje ainda são as localidades com o maior número de casos, faremos ações mais restritas. Vamos anunciar o fechamento de parques públicos e abrir o cadastramento de idosos entre 70 e 74 anos para a realização da vacina”.

O prefeito ainda informou que se reúne, às 10h, desta sexta-feira com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e a Frente Nacional dos Prefeitos, para tratarem do processo de vacinação da Influenza, e a data de chegada das novas vacinas. “O problema não é a logística, mas sim a falta de vacinas. É um problema mundial, mas o Brasil perdeu a oportunidade de comprar novas vacinas”.

Retorno das aulas – O prefeito Bruno Reis reforçou a validação dos critérios para o retorno das aulas presenciais na capital baiana. Segundo ele, nos próximos dias vai validar os critérios com o sindicato dos professores. “O que vai permitir o retorno das aulas presenciais é a evolução da pandemia. Nesse momento não há possibilidade de retornar”.

Política Livre

  • Compartilhe:

Publicidade