NOVEMBRO AZUL, UM TOQUE PODE SALVAR VIDAS

17 de nov de 2017

 

Por Tiago Lira –

Assessor de Imprensa – ascomjosebarbosa@gmail.com

Mesmo com as campanhas anuais de conscientização sobre a prevenção ao
Câncer de Próstata estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca) indicam
que em 2017 devem ser registrados 61,2 mil novos casos no país. O câncer de
próstata é o segundo mais comum entre os homens brasileiros, atrás apenas
do câncer de pele.

Por esse motivo, em apoio à campanha “Novembro Azul – mês de
conscientização do Câncer de Próstata”, o vereador Dr. José Barbosa
(PSC), que é medico, vem alertando a população masculina barreirense sobre
a importância da realização dos exames preventivos.
“A cultura machista é fator que atrapalha a detecção, e, portanto, o tratamento
da doença. O exame de toque retal é simples e rápido, com duração média de
5 a 10 segundos. Além do tabu em relação ao exame, outro aspecto relevante
é o fato de que a maioria de casos é assintomática. É diferente de outros tipos
de câncer, em que aparece algo no corpo que provoca medo e faz o paciente ir
ao médico. Em larga escala, só há sintoma quando já está muito avançado”,
relata o vereador.

SINTOMAS E PREVENÇÃO

Na fase inicial da doença, são comumente identificados sangue na urina, dificuldade em urinar, diminuição do jato de urina
e aumento da frequência ao banheiro. “Para investigar o câncer de próstata
são feitos dois exames: o de toque retal, que avalia o tamanho, a forma e a
textura da próstata, e o Antígeno Prostático Específico (PSD). Para confirmar
uma suspeita sinalizada pelos dois testes, é feita uma biópsia, que consiste em
analisar pequenos pedaços da glândula”, afirma Dr. José Barbosa, que
ressalta a importância do diagnóstico precoce. “É indicado que todos os
homens com mais de 45 anos de idade façam pelo menos uma vez ao ano o
exame de toque retal e de sangue (PSA), pois, quanto antes o câncer de
próstata for diagnosticado, maiores são as suas possibilidades de cura,
principalmente quando se têm um histórico familiar”.

  • Compartilhe:

Publicidade