NOSSA TERRA, NOSSO SOM: TOINHO E CIA

17 de set de 2018

Na cantina da faculdade um jovem universitário com seu violão mostra para seus colegas de classe a sua intimidade com a música, e assim começa os primeiros passos do jovem Antonio José de Araújo, ou carinhosamente, Toinho.

Formado em jornalismo, já tem 15 anos de estrada e 10 CDs gravados, todos com grande aceitação em nossa cidade e até em outros estados, como Piauí, Tocantins, Goiás, Maranhão e Distrito Federal. Com sua “arrochadeira”, um ritmo dançante e envolvente, o artista caiu no gosto da juventude e hoje é consagrado como um dos maiores arrastadores de publico o que lhe apelidou de “O Piseiro”, expressão usada para descrever o movimento de muitas pessoas num determinado lugar. Dono de um carisma e uma simpatia particular conquistou um publico fiel.

Nascido em Cristópolis, mas Barreirense de coração, Toinho tem uma carreira consolidada e hoje é um artista com de uma agenda invejável fazendo shows em toda região e nos estados vizinhos, sendo presença garantida em festas de vaquejada e cavalgadas. Entre seus hits mais acessados nos aplicativos de musicas estão: “Vai ser um love só”, “Tome amor”, “Pelo zap não se beija”, “Nega” entre outras. Toinho também escreve muitas canções e conta também com as parcerias de Tierry e Talles Pacheco, grandes compositores que enriquecem o repertorio do artista, que tem uma boa estrutura para show com painel de led e iluminação de qualidade para proporcionar seu publico com grande espetáculo.

Fora dos palcos Toinho é um homem de muita fé dedicado a família, pai do pequeno Henrique tem se dedicado ao herdeiro com muito amor e carinho, tem um relacionamento com a modelo Mariane e mantem um ciclo de boas amizades mantendo sua simplicidade e aproximação dos seus admiradores.

Este é um pequeno resumo da historia deste talento da nossa terra que estamos mostrando nessa coluna especial e na próxima semana você vai conhecer um pouco da história de Ramon Arievilo…não percam!!!

  • Compartilhe:

Publicidade