NO DIA EM QUE A CIDADE DE CENTRAL COMPLETA 62 ANOS, CONHEÇA A HISTÓRIA DE UM DOS DESBRAVADORES DO MUNICÍPIO

12 de ago de 2020

 

Até o dia 12 de agosto de 1958, quando adquiriu a emancipação política, a cidade de Central era um importante distrito do município de Xique-Xique. A partir dessa data, a luta de um vereador natural daquela cidade e que tanto lutou pela emancipação de Central, ao renunciar o seu mandato na Câmara de Vereadores de Xique-Xique, para preparar as eleições municipais que aconteceram em dezembro de 1958, entrou para sempre na história do município que completa 62 anos nesta quarta-feira, 12. Cantídio Pires Maciel, nascido em 20.03.1918, em Central, é um dos nomes históricos da cidade, pela sua luta na emancipação do município e por sua contribuição para o desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida da população centralense.

Alegre, comunicativo, trabalhador, resoluto e digno, assim Cantídio Pires Maciel era conhecido. Em conversa com a sua família, o Mural do Oeste obteve mais informações sobre a sua história. Registra-se que ele foi Agricultor (possuiu terras em Central e no Riacho Largo, bem como tratores para desenvolver os trabalhos da agricultura), foi Pecuarista, Deposista – comprava e vendia produtos da agricultura da região (feijão, milho e mamona). Foi dono de bar e gostava de aproveitar as belezas da vida com os amigos. Grande líder Político, Cantídio foi 3º. Prefeito de Central. Casado com Dalila Farias, o casal teve 10 filhos. Cantídio foi destaque também no que tange à educação de seu povo. Nos anos 60, foi um dos interessados e muito contribuiu para a fundação do Colégio Normal de Central (CNEG), depois Centro Educacional de Central, CNEC,

Já idoso (adoeceu e, apesar da assistência familiar e do esforço dispendido pelos profissionais de saúde, veio a óbito no dia 20.04.1998), sendo sepultado no Campo Santo local. Em homenagem ao trabalho prestado ao longo dos anos, o seu nome figura na História e, também, em locais públicos da cidade de Central, como na praça em frente à sua residência, cujo nome é Praça Cantídio Pires Maciel.

Um outro fato interessante que envolve a história de Cantídio Pires Maciel é a participação efetiva de um dos seus filhos, Cantídio Pires Maciel Filho, conhecido popularmente do Dolla, na emancipação e desenvolvimento de outro importante município da Bahia, Luís Eduardo Magalhães. Assim como seu pai, Dolla se tornou também um grande líder político na capital do agronegócio, já tendo concorrido ao cargo de vice-prefeito, em duas oportunidades, nos anos de 2004 e 2008. Tanto Dolla, quanto seus filhos participaram e participam ativamente no desenvolvimento da cidade de Luís Eduardo Magalhães, com um trabalho de muitos anos no comércio e no auxílio a população que os recorre nos momentos de necessidade.

Ao Mural do Oeste, a família de Cantídio Pires Maciel, Dolla e todos seus familiares, naturais da cidade de Central e atualmente moradores de Luís Eduardo, parabenizam toda a população centralense por mais um aniversário de emancipação política, com o desejo de que o município continue a se desenvolver e oferecer mais oportunidade para os seus cidadãos.

  • Compartilhe:

Publicidade