“ELE ERROU” DIZ JUTAHY SOBRE DESISTÊNCIA DE ACM NETO

12 de abr de 2018

“Ele errou o ‘timing’”, disse Jutahy Magalhães Júnior (PSDB) sobre a decisão do prefeito ACM Neto (DEM) em desistir de ser candidato ao governo do Estado. “Acho que ele errou, errou no tempo. Ele tinha o direito de não ser candidato, mas não na véspera”, falou o deputado federal em entrevista a Mário Kertész na rádio Metrópole, na noite desta quinta-feira (12). Ainda segundo o parlamentar, “ninguém pode obrigar ninguém a se candidatar, mas isso não impede que a gente mantenha o mesmo projeto. Sobre a idéia de as oposições construírem a unidade por meio do qual apóiem apenas um candidato ao governo, o deputado disse que é preciso avaliar “se é útil ter duas candidaturas, a de João Gualberto (PSDB) e a de José Ronaldo (DEM)”. Durante a entrevista, Jutahy também reafirmou sua candidatura ao Senado. “A minha candidatura ao Senado independe de fatores externos. Minha candidatura está mantida. Quem vai decidir quem vai ser governador ou senador é o eleitor da Bahia. Eu respeito o eleitor”, disse o deputado, lembrando que a Bahia tem hoje três senadores vinculados ao PT e que está colocando seu nome para apreciação de um eleitorado contrário à hegemonia do partido no Senado. Jutahy também contou que, assim que circulou a informação de que Neto não seria mais candidato ao governo, ele recebeu vários apelos para que mantivesse a candidatura a senador, exatamente de parte das pessoas que acha que o Senado precisa representar todas as forças sociais do Estado.

  • Compartilhe:

Publicidade