DESEMBARGADORA PRESA PELA FAROESTE FECHA DELAÇÃO PREMIADA E REVELAÇÕES PODEM SER DEVASTADORAS

05 de jan de 2021

Os próximos dias prometem ser tensos no judiciário baiano. Uma desembargadora investigada na Operação Faroeste por participação em um esquema de venda de sentenças, fechou um acordo de delação com o Ministério Público (MP).

Segundo informações do colunista Diego Escoteguy, do O Bastidor, a desembargadora é uma figura-chave na investigação. O procurador-geral da República, Augusto Aras, acredita que a delação pode trazer à tona informações cruciais e alcançar figuras importantes, como advogados influentes.

De acordo com um investigador, as “repercussões [da delação] serão devastadoras”.

Bnws

  • Compartilhe:

Publicidade