CORRENTINA: SESSÃO QUE PODE CASSAR SEIS VEREADORES, NÃO TEM HORA PARA ACABAR

20 de dez de 2018

Prossegue em Correntina a histórica sessão da Câmara Municipal que pode cassar seis vereadores que foram presos em outubro do ano passado pela operação Último Tango deflagrada pelo Ministério Público Estadual. Seis vereadores, entre eles o presidente da Câmara, mais conhecido por Maradona, são acusados de desvio de recursos e fraudes em licitações. Continua sendo feita a leitura do relatório final elaborado pela Comissão Processante e logo após a acusação e a defesa terão espaço para falar. Depois disso será feita votação em plenário para definir se os seis vereadores serão cassados ou não.

Na manhã de hoje a sessão foi suspensa em função de que alguns vereadores acusados terem invadido o plenário, provocando um grande tumulto inclusive com tentativa de  agredir o presidente da Casa. A pancadaria só não foi maior porque a Polícia Militar interferiu e teve que ser enérgica para controlar os ânimos. Na parte da tarde e até este momento, a sessão segue dentro da normalidade.

  • Compartilhe:

Publicidade