CONSELHO APROVA TEXTO DE INDULTO DE NATAL EXCLUI PRESOS POR CORRUPÇÃO

19 de out de 2018

O Conselho Nacional de Política Criminal e Penitenciária aprovou o texto do indulto de Natal de 2018. A proposta do órgão, subordinado ao Ministério da Justiça, foi acatada nesta sexta-feira (19) e acaba com a possibilidade de concessão do benefício a quem cometer crimes financeiros, relacionados a licitações, tortura, lavagem de dinheiro, organização criminosa e terrorismo.

 

O projeto é considerado mais rigoroso do que o texto de anos anteriores. A próxima etapa é o encaminhamento ao ministro da Justiça, Torquato Jardim, e depois ao presidente Michel Temer, de acordo com informações do portal G1.

 

Previsto na Constituição, o indulto é um benefício concedido por meio de decreto presidencial. Ele consiste no perdão a condenados por determinados crimes, levando à extinção da pena e a liberdade do detento.

  • Compartilhe:

Publicidade