RMS E EXTREMO OESTE TÊM 80% DE 20 MUNICÍPIOS MAIS RICOS DA BA, APONTA IBGE

15 de dez de 2017

 

Dos 20 municípios baianos mais ricos, 80% deles se situam em duas regiões distantes uma da outra. Nove estão na Região Metropolitana de Salvador (RMS) e sete no extremo oeste. Quem puxa a fila dos mais abastados é São Francisco do Conde, na RMS, que apresentou PIB [Produto Interno Bruto] de R$ 219.845,83. Em segundo, aparece São Desidério, no extremo oeste, com PIB médio de R$ 83.234,58. Já em terceiro, Camaraçi, também na RMS, registrou PIB médio de R$ 71.012,33. A renda média é a divisão de tudo que foi produzido no município, entre bens e serviços, em um período, no caso aqui, em 2015, último ano apurado pela Pesquisa Produto Interno Bruto dos Municípios 2015. Após as três, a lista das duas regiões tem: Formosa do Rio Preto, Luís Eduardo Magalhães, Dias DÁvila, Correntina, Jaborandi, Candeias, Simões Filho, Riachão das Neves, Lauro de Freitas, Pojuca, Madre de Deus e Barreiras. Fora da RMS e do Extremo Oeste, aparecem cinco cidades; Cairu, no Baixo Sul, com PIB médio de R4 67.787,99, na 4ª posição; Conceição do Jacuípe, na região de Feira de Santana, na 7ª posição, com R$ 50.855,82; Mucuri, no extremo sul, na 8ª, com R$ 48.612; Itapebi, na 10ª, com R$ 40.980 e Mucugê, na 15ª, com R$ 33.203,24.

 

Do Bahia Notícias

  • Compartilhe:

Publicidade