RISCO DE RECESSÃO COM INFLAÇÃO PERSISTENTE É OBSTÁCULO PARA BOLSONARO EM 2022, DIZEM ANALISTAS
24 de novembro de 2021

 

O risco de recessão econômica em 2022, acompanhada por inflação persistente, surge como um dos principais obstáculos para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na corrida eleitoral do próximo ano, avaliam analistas.

Segundo eles, períodos de crise, como o que se desenha para o ano que vem, dificultam as pretensões de governantes que buscam permanecer no poder ou que tentam construir sucessores —e não só no Brasil.

“É claro que o eleitor não decide seu voto exclusivamente pela economia, mas essa talvez seja a área em que ele consiga estabelecer, com mais facilidade, relações de causa e efeito com o governo federal”, afirma o pesquisador Jairo Nicolau, do centro de pesquisas CPDOC, da FGV (Fundação Getulio Vargas).

“É mais difícil para o eleitor responsabilizar o governo federal se o trânsito está ruim no Rio de Janeiro, por exemplo. Então, nesse sentido, a crise econômica é um obstáculo para o atual presidente.”

O cientista político Creomar de Souza, da Consultoria Dharma, vai na mesma linha. “A degradação do ambiente econômico é um grande desafio ao presidente Bolsonaro”, diz.

“O risco de que a eleição tenha um recorte mais econômico do que ideológico é a maior ameaça a um governo que se especializou em fazer campanha durante seu mandato”, completa.

Às vésperas de 2022, o Brasil ainda amarga os prejuízos gerados pela crise da Covid-19, que elevou o desemprego, diminuiu a renda de parte da população e turbinou a inflação.

Ao longo da pandemia, cadeias produtivas foram desarticuladas, o que restringiu a oferta de bens e serviços, aumentando os preços de insumos diversos no mercado internacional.

A escalada inflacionária no Brasil teve ingredientes adicionais. Entre eles, estão a alta do dólar em meio a tensões políticas, o que elevou os custos de produtos como os combustíveis, e a crise hídrica, responsável por encarecer as contas de luz.

O cenário de dificuldades para 2022 ganhou novos capítulos nas últimas semanas com as incertezas fiscais.

As dúvidas com o rumo das contas públicas cresceram após o governo federal colocar em xeque o teto de gastos para pagar o Auxílio Brasil, o substituto do Bolsa Família.

Diante desse cenário, projeções de analistas para o PIB (Produto Interno Bruto) passaram a encolher, e a hipótese de recessão no próximo ano —ou seja, queda da atividade econômica— ficou mais forte.

“O cenário é muito ruim para a economia em 2022”, define o diretor da Asa Investments, Carlos Kawall, ex-secretário do Tesouro Nacional.

“Esse quadro econômico seria desfavorável à reeleição de qualquer um”, completa.

A Asa projeta PIB estagnado (0%) em 2022, mas não descarta eventuais mudanças para baixo ou para cima, segundo Kawall.

De acordo com a instituição financeira, a economia brasileira deve amargar uma recessão técnica no primeiro semestre de 2022. Juros mais altos, inflação ainda pressionada e incertezas da corrida eleitoral sustentam a projeção.

Recessão técnica é o termo usado por economistas para descrever dois trimestres consecutivos de queda do PIB.

Segundo Kawall, a piora das condições macroeconômicas e os riscos fiscais também colocam em xeque, no próximo ano, a incipiente melhora do mercado de trabalho.

“A crise afetou muito o emprego menos qualificado, de baixa renda. Vamos ter um ano bastante difícil para o mercado de trabalho, do ponto de vista econômico e social.”

O Itaú Unibanco e o Credit Suisse estão na lista de instituições financeiras que projetam recessão para o ano de 2022. Os dois bancos passaram a prever contração de 0,5% no período.

A mediana do boletim Focus, do BC (Banco Central), que traz as projeções de analistas do mercado financeiro, ainda indica avanço de 0,7%, mas vem recuando nas últimas semanas. Ao final de janeiro de 2021, por exemplo, a alta prevista para 2022 era de 2,5%.

Para complicar, o mercado vê uma inflação mais forte do que a esperada inicialmente para o ano eleitoral. Pelo boletim Focus, a mediana para o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) subiu a 4,96%. A marca está bem próxima do teto da meta de inflação em 2022, de 5%.

“O cenário para o ano que vem está bastante complicado. Tem vários níveis de incertezas. A gente não está conseguindo aproveitar a oportunidade de crescimento na saída da pandemia”, analisa o economista-chefe da consultoria MB Associados, Sergio Vale.

A MB projeta estagnação do PIB (0%) em 2022 no cenário-base. Mas, diante das dificuldades, não descarta um resultado ainda pior, aponta Vale.

Segundo ele, a economia fragilizada em ano eleitoral joga contra Bolsonaro na disputa pela Presidência.

“Em 2022, ainda estaremos vendo resquícios da pandemia sobre a atividade econômica. O governo federal até conseguiu fazer a reforma da Previdência no primeiro ano de mandato [2019], mas a pandemia trouxe dificuldades a partir de 2020. O governo não soube responder”, analisa Vale.

Por causa dos riscos que assombram o país, a gestora de investimentos Rio Bravo passou a prever recessão para o PIB brasileiro de 2022.

A retração projetada é de 0,2%, diz o economista da instituição João Leal. Antes, a Rio Bravo estimava alta de 0,5%.

Leal sublinha que, historicamente, as incertezas relacionadas às eleições costumam empurrar a taxa de câmbio para cima, o que pressiona a inflação.

Para conter os preços, o BC é forçado a levar a taxa básica de juros, a Selic, a um nível mais alto. Atualmente, a taxa está em 7,75% ao ano.

Em 2022, a perspectiva é de Selic em 11,75%, projeta a Rio Bravo. A Asa enxerga uma taxa ainda maior, de 13%.

O avanço da Selic, lembra Leal, desafia o consumo das famílias e os investimentos das empresas, freando a economia. As incertezas políticas e os juros mais altos ajudam a explicar a projeção de recessão em 2022, aponta o analista.

“O cenário para 2022 é muito complicado. Temos vários pontos de incertezas. Isso não impacta só o mercado financeiro. Também afeta a economia real.”

Pela série histórica do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) iniciada em 1996, o PIB teve quatro anos de queda. A economia recuou em 2009 (-0,1%), 2015 (-3,5%), 2016 (-3,3%) e 2020 (-4,1%). em nenhum deles houve eleições presidenciais.

 

Leonardo Vieceli / Folha de São Paulo

  • Compartilhe:

Mais do Mural do Oeste

Mais do Mural do Oeste

01/12/2021 PROJETO ADAB NA ESCOLA: OZIEL OLIVEIRA ENTREGA CERTIFICADOS EM SALVADOR NO BAIRRO DE CAJAZEIRAS   O Diretor-Geral da ADAB, Agência de Defesa Agropecuária da Bahia, Oziel Oliveira, esteve, nesta terça-feira, 30 de novembro no bairro de Cajazeiras em Salvador num ciclo de palestras promovido pelo Programa ADAB na Escola que é voltado para os estudantes. Na oportunidade foram entregues 3 ...
  • Compartilhe:

01/12/2021 BARREIRAS: MORRE MÃE DO BLOGUEIRO CARLOS MODESTO, DO BARREIRAS NOTÍCIAS   Faleceu nesta-terça-feira, 30 de novembro, dona Rosenilda Alves Modesto, 68 anos,  mãe do blogueiro Carlos Modesto, dono do Blog Barreiras Notícias. Modesto é um grande companheiro, uma pessoa que gosto muito pela sua maneira alegre de ser e viver. Mesmo enfrentando o sofrimento e a dor ...
  • Compartilhe:

01/12/2021 JUAZEIRO APONTA PARA NÃO REALIZAÇÃO DO CARNAVAL; CIDADE É CONHECIDA POR ABRIR A FOLIA Foto: Reprodução / Rede GN Juazeiro, no norte do estado, indicou que irá se abster da realização do Carnaval no próximo ano. Reconhecida por organizar o festejo que abre o calendário de festas carnavalescas da Bahia, a cidade deverá fazer parte de uma lista de roteiros que também suspendera ...
  • Compartilhe:

01/12/2021 FAROESTE: APÓS DELAÇÃO SER HOMOLOGADA, ADVOGADO DEIXA CASO DE DESEMBARGADORA Foto: Divulgação O advogado Pedro Henrique Duarte não está mais à frente da defesa da desembargadora Sandra Inês Rusciolelli, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). O caso será liderado pela advogada Thais Bandeira, através da Associação dos Magistrados da Bahia (Amab). O advogado cont ...
  • Compartilhe:

01/12/2021 MORO VAI RECEBER SALÁRIO DE R$ 22 MIL DO PODEMOS O ex-juiz Sérgio Moro vai receber a partir do mês de dezembro um salário do Podemos. Recém-filiado ao partido e apontado como nome para concorrer a presidente em 2022, Moro vai receber R$ 22 mil, o que, descontados os impostos, ficará em torno de R$ 15 mil. A informação foi divulgada pelo jor ...
  • Compartilhe:

01/12/2021 SEGUNDA TURMA DO STF ANULA PROVAS CONTRA FLÁVIO BOLSONARO NO INQUÉRITO DAS RACHADINHAS   Por 3 votos a 1, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) atendeu nesta terça-feira, 30, o senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) e anulou provas colhidas pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) no inquérito das rachadinhas. Os ministros Gilmar Mendes, relator do habea ...
  • Compartilhe:

01/12/2021 BRASIL COMPLETA 1 MÊS COM MÉDIA DE MORTES POR COVID ABAIXO DE 300   Em 1º de novembro, o Brasil registrava, pela primeira vez desde abril de 2020, média móvel de mortes por Covid inferior a 300 vidas perdidas por dia. Trinta dias depois, agora em meio a uma nova variante que assusta o mundo, a marca permanece nessa faixa. Nesta terça-feira (30), com as 32 ...
  • Compartilhe:

01/12/2021 ANVISA IDENTIFICA DOIS CASOS DA VARIANTE ÔMICRON NO BRASIL     A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que dois brasileiros estão infectados com a variante Ômicron do coronavírus, segundo resultados preliminares divulgados nesta terça-feira, 30. Os casos são de dois passageiros vindos da África do Sul e que desembarcaram ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 LULA AUMENTA VANTAGEM SOBRE BOLSONARO E MORO ESTREIA COM 13,7%, DIZ PESQUISA DO ATLAS   Fotos: Ricardo Stuckert / Agência Brasil O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aumentou sua vantagem sobre o atual mandatário da República, Jair Bolsonaro (PL), no novo levantamento do instituto de pesquisas Atlas Político divulgado nesta terça-feira (30), sobre a corrida pre ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 INDICAÇÃO DE JUSMARI É ATENDIDA E 335 KM DE RODOVIAS SERÃO RECUPERADOS NO OESTE DA BAHIA Atendendo a uma reivindicação da deputada Jusmari Oliveira, apresentada no inicio do seu mandato e também  atendendo a pedidos de Oziel Oliveira, a Secretaria de Infraestrutura do Governo da Bahia, já começou a recuperação total da estrada que liga São Desidério a Roda Velha. Segundo Jusma ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 LÚCIO DECLARA QUE CÚPULA DO MDB NÃO IRÁ A LANÇAMENTO DA PRÉ-CANDIDATURA DE ACM NETO   O ex-deputado federal e membro do MDB na Bahia, Lúcio Vieira Lima, declarou, na manhã desta terça-feira (30) que, nem ele nem o presidente estadual da sigla, Alex Futuca, irão ao evento de lançamento da pré-candidatura do ex-prefeito de Salvador (DEM/União Brasil) ao governo da Bahia, ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 LA CASA DE PAPEL: SEGUNDA PARTE DA 5ª TEMPORADA GANHA TRAILER; SÉRIE RETORNARÁ A NETFLIX NESTA SEMANA   Nesta semana, a Netflix disponibilizará aos seus assinantes a Parte 2 da 5ª temporada de La Casa de Papel. A série espanhola, criada por Álex Pina, promete surpreender os espectadores com o desdobramento do novo roubo arquitetato pela gangue do Professor (interpretado por Álvaro Mor ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 “NÃO TOMAREI DECISÃO PRECIPITADA”, DIZ RUI SOBRE REALIZAÇÃO DO CARNAVAL Foto: Reprodução / YouTube O governador Rui Costa (PT) informou que não vai se precipitar em relação a qualquer anúncio sobre o Carnaval. Em entrevista para a Rádio Sociedade na manhã desta terça-feira (30), o chefe do Executivo da Bahia, manteve a cautela em relação a realização da fes ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 APÓS DOIS ANOS SEM PARTIDO, BOLSONARO SE FILIA AO PL EM CERIMÔNIA COM VALDEMAR COSTA NETO   Após dois anos sem partido, o presidente Jair Bolsonaro filiou-se ao PL na manhã desta terça-feira (30). A cerimônia aconteceu na sede do partido em Brasília e contou com a presença do presidente da sigla, Valdemar Costa Neto, e de membros do governo. A informação é do G1. O PL será ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 LULA SOBRE ALCKMIN: “QUERO CONSTRUIR UMA CHAPA PARA GANHAR AS ELEIÇÕES”   O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva reforçou a hipótese de ter Geraldo Alckmin (de saída do PSDB) na vice de sua chapa presidencial em 2022 e disse que aguarda a definição do novo partido do ex-governador para avançar nas negociações. Em entrevista para a rádio Gaúcha FM nest ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 SUSPEITO É PRESO POR TENTAR SUBORNAR POLICIAIS POR R$ 3 MIL Um homem foi preso, suspeito de corrupção ativa após oferecer R$ 3 mil a investigadores da 13ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Seabra), na noite desta segunda-feira (29). Segundo a Polícia Civil, o caso ocorreu depois da polícia flagrar o homem sem a Carteira Nacional d ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL APURA DESVIOS DE VERBAS DESTINADAS A AÇÕES DE ENFRENTAMENTO À PANDEMIA EM CIDADE BAIANA   A Polícia Federal (PF) deflagrou uma operação para combate do desvio de verbas federais destinadas a ações de enfrentamento à pandemia da Covid-19. Ao todo são cumpridos 12 mandados de busca e apreensão, sendo sete em Serrinha, na região sisaleira; além de Manaus (AM) e Araranguá ( ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 BAHIA: GOVERNO DO ESTADO AUMENTA PARA 5 MIL O LIMITE DE PESSOAS EM EVENTOS   O Governo da Bahia aumentou de três para cinco mil pessoas o limite máximo de público em eventos no estado. O novo decreto foi publicado nesta terça-feira (30), no Diário Oficial. A medida é válida até 10 de dezembro de 2021, e modifica um outro decreto, publicado no último dia 26. ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 CERVEJARIA AMBEV ESTÁ OFERECENDO 63 CURSOS GRATUITOS E EAD PARA O PÚBLICO EM GERAL; SAIBA COMO SE INSCREVER   A Cervejaria Ambev, dona das marcas Skol, Colorado e outras, expandiu a multiplataforma Ambev On e está oferecendo vários cursos gratuitos e atividades gratuitas para o público em geral na modalidade EAD. Até agora, a Cervejaria está com 63 cursos sendo ofertados. Entre os variados assun ...
  • Compartilhe:

30/11/2021 SAIBA QUANDO SERÁ DIVULGADO O RESULTADO OFICIAL DO ENEM 2021   Os resultados das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 serão divulgados no dia 11 de fevereiro do ano que vem. A data foi confirmada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela realização do exame, durante entrevis ...
  • Compartilhe:

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade