QUANDO TUDO ISSO PASSAR, COMO NOSSOS TRABALHADORES FICARÃO?

26 de mar de 2020

Por Carmélia da Mata

Como uma legítima cidadã brasileira, tenho muita fé que tudo isso que enfrentamos com a pandemia do Coronavírus vai passar e as coisas vão voltar a entrar nos eixos. Mas não posso omitir que já vejo muitos exemplos positivos apontarem novos rumos, que já começam a despontar ideias para driblar a crise econômica, a exemplo do prefeito Terence Lessa do município de Ibotirama, que já começou ajustar acordos para que o comércio não pare.

Já sabemos que em Barreiras, o desemprego aumentou e a circulação do dinheiro caiu, as pessoas deixaram de comprar no comércio, somente o necessário entra nas casas. Tudo isso é reflexo da quarentena e do isolamento social, medida extremamente necessária para combater o Covid-19.

Mas meus amigos, conversando com os microempresários, ambulantes, feirantes, vendedores da informalidade, eles alegam que os impostos e taxas não dão trégua. Me pergunto: como ficará a situação desses trabalhadores? Será que os poderes executivo e legislativo vão criar mecanismos para ajudar a economia local ?

*Com orçamento de 647 milhões por ano*, o município de Barreiras pode muito bem absorver medidas tributárias para isentar por 6 meses essa categoria, considerando a ajuda do Governo Federal e também o impacto que os segmentos que giram o comércio e as pessoas de baixa renda passam nesse momento.

A população de Barreiras certamente vai aguardar ansiosa o posicionamento governamental!

Carmélia da Mata

  • Compartilhe:

Publicidade