PT QUER AFASTAMENTO DO PROCURADOR DALLAGNOL POR 120 DIAS

15 de jul de 2019

O PT pede apuração das relações de Deltan Dallagnol com três empresas que organizam palestras, de acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo. A legenda solicita ainda o afastamento do procurador e de seu colega Roberto Pozzobon por 120 dias ou a abertura de processo disciplinar contra ambos.

As novas revelações de conversas do Deltan Dallagnol, mostram que o procurador e Pozzobom falam abertamente em “lucrar” com a Operação Lava Jato. A fim de evitar questionamentos jurídicos, os dois ainda pretendiam usar suas esposas para assumir o negócio.

Integrantes do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) avaliaram as palestras do procurador como legais e filantrópicas.

 

Via: Bahia Notícias

  • Compartilhe:

Publicidade