PARA JUTAHY MAGALHÃES JÚNIOR, CICLO DO PT ESTÁ ACABANDO NA BAHIA

26 de fev de 2018

O deputado federal Jutahy Magalhães Júnior (PSDB) fez questão de alertar, em entrevista exclusiva à Tribuna da Bahia, o risco de o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), não ser candidato ao governo da Bahia na eleição deste ano. Para o tucano, se o democrata não disputar o Palácio de Ondina, pode haver uma “hegemonia petista” na Bahia. “E isso é algo extremamente perigoso para um Estado como a Bahia. A hegemonia fragiliza a democracia e cria um ambiente de dominação que esmaga as minorias. Prejudica a liberdade de imprensa e atrofia todos os outros poderes, tanto o Legislativo quanto o Judiciário. Sempre lutei contra hegemonias. O anúncio da candidatura de ACM Neto de imediato supera este risco”, afirmou. Ainda na entrevista, Jutahy reafirmou seu desejo de concorrer ao Senado, reforçou que o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, será o candidato do PSDB ao Palácio do Planalto, e apostou que o ex-presidente Lula (PT) não estará no páreo eleitoral deste ano. “Quero ser candidato dos que querem um senador que represente a mudança, com experiência. […] Milhões de baianos não estão representados no Senado”, frisou. Leia a entrevista completa na Tribuna da Bahia.

  • Compartilhe:

Publicidade