OU MORO SE DEMITE, OU MORO SE DEMITE

24 de abr de 2020

Ou Sergio Moro se demite, ou Sergio Moro se demite. A autonomia da PF, depois do afastamento arbitrário de Mauricio Valeixo, com uma canetada imperial do presidente da República, foi para os ares.

Mesmo que Sergio Moro conseguisse indicar o novo diretor-geral, o fato é que a submissão da PF às ordens de Jair Bolsonaro já ocorreu, com o propósito de proteger os amigos e de perseguir os inimigos.

A autonomia da PF foi um dos pilares da Lava Jato. Sergio Moro, que aceitou o cargo ministerial para defender as conquistas da Lava Jato, agora tem de se demitir para prosseguir em sua defesa.

 

O Antagonista

  • Compartilhe:

Publicidade