MINISTÉRIO DA SAÚDE AVANÇA PARA ADQUIRIR A SPUTNIK V; VACINA RUSSA É DEFENDIDA POR RUI COSTA

27 de jan de 2021

 

O Ministério da Saúde se mexeu para adquirir a Sputnik V e estabeleceu critérios a serem seguidos pela farmacêutica União Química: a taxa de eficácia da vacina precisa superar 50%, a fase 3 de testes deve estar em andamento no País e o pedido de uso emergencial, ter sido enviado à Anvisa.

“O ministério está disposto a formalizar tratativas comerciais para a eventual aquisição de lotes do imunizante de forma a aumentar o mais brevemente possível a oferta de imunizantes à população brasileira”, diz ofício assinado anteontem pelo secretário-executivo da pasta, Elcio Franco.

A informação foi publicada pela Coluna do Estadão nesta quarta-feira (27). O imunizante é defendido pelo governador Rui Costa (PT), que quer comprar diretamente a vacina russa sem intermediação do Governo Federal.

Ele citou que já tem um acordo de cooperação, que foi anunciado no ano passado, e por isso entrou com ação no Supremo Tribunal Federal (STF).

  • Compartilhe:

Publicidade