LULA ACONSELHA PETISTAS A EVITAR BRIGA INTERNA POR CANDIDATURA EM SÃO PAULO

07 de jan de 2020

Na falta de definição sobre quem será o candidato do PT que disputará a Prefeitura de São Paulo, o ex-presidente Lula demonstrou preocupação de que as prévias, previstas para 15 de março, resultem em brigas internas. Nesta segunda (6), em reunião com Jilmar Tatto, um dos pré-candidatos, e outros petistas, como Fernando Haddad, Lula falou da necessidade de manter o partido unido e sugeriu que os postulantes gastem mais energia com a campanha do que com a disputa no próprio quintal.

Na mesma reunião, o ex-presidente disse que pediu a Fernando Haddad para se voltar a questões nacionais, sinalizando que o ex-prefeito deve ficar de fora da eleição municipal deste ano, apesar da torcida de parte dos petistas da capital.

Lula também admitiu que, a essa altura, ter um candidato já escolhido faz diferença para se contrapor a Bruno Covas (PSDB) na centro-esquerda, espaço sobre o qual o prefeito avança. Por isso, o ex-presidente quer que a definição seja breve.

 

Folha de SP

 

  • Compartilhe:

Publicidade