JOÃO GUALBERTO ANALISA CENÁRIO POLÍTICO DA DISPUTA PELO GOVERNO DA BAHIA

10 de abr de 2018

O pré-candidato a governador da Bahia pelo PSDB, João Gualberto, fez uma análise fria do atual cenário político da eleição baiana. Durante sua participação no programa Se Liga Bocão da Itapoan FM nesta segunda-feira (9), o tucano reconheceu que Rui Costa (PT) é o favorito na disputa, pois tem quatro anos em campanha com a “publicidade da mentira do PT”. Apesar de dizer que começa do zero, Gualberto acredita que “vai chegar lá”, ao se referir a vitória na corrida pelo Palácio de Ondina.

O ex-prefeito de Mata de São João e deputado federal reconheceu que quando é colocado na balança a sua popularidade com a do aliado, ex-prefeito de Feira Zé Ronaldo (DEM), o democrata tem vantagem por já ter governado o município por quatro vezes.

Indagado sobre a impossibilidade dos tucanos possuírem duas cadeiras numa eventual união das oposições na chapa majoritária, o empresário negou que se tenha barganhado cargos e posições na eleição e isso não será preponderante em uma eventual conversa.

Lembrou que na quinta-feira da semana passada, após a longa reunião com o prefeito ACM Neto (DEM), o clima ainda era de indefinição, apesar disso, seu nome foi colocado como vice do chefe do Palácio Thomé de Souza.

Também no programa, o empresário, que foi favorável ao impeachment do presidente Michel Temer (MDB) e favorável a saída de Aécio Neves da presidência do PSDB, afirmou que a prisão do ex-presidente Lula (PT) inicia uma nova era na política e defendeu que todos os culpados paguem pelo que cometeram.

Gualberto também não deixou de atacar o governador Rui. “Espero que o governador pague do seu bolso a passagem dele à Curitiba que ele fará essa semana”, criticou.

 

Via: BNews

  • Compartilhe:

Publicidade