FILHOS DE DESEMBARGADORES BAIANOS ENTRAM NA MIRA DA OPERAÇÃO FAROESTE

01 de dez de 2020

O Ministério Público Federal (MPF) vai deflagrar nos próximos dias a sexta fase da Operação Faroeste, com foco exclusivo em filhos de desembargadores do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Todos os principais alvos são suspeitos de tráfico de influência dentro do esquema de venda de sentenças na Corte.

Segundo apurou a coluna Satélite, do jornal Correio da Bahia, a equipe do MPF escalada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) para investigar o caso está com os preparativos da nova etapa praticamente concluídos e já obteve autorização do relator da Faroeste no Superior Tribunal de Justiça (STJ), o ministro Og Fernandes, para cumprir mandados de busca e apreensão em pelo menos dois grandes escritórios de advocacia de Salvador.

As bancas, conforme a publicação feita nesta terça-feira (1º) pelo impresso, são ligadas a familiares de desembargadores do TJ, incluindo magistrados que não estão mais na ativa.

Uma fonte ouvida pela coluna com acesso a detalhes a operação garante que um dos nomes na mira do MPF ocupa cargo de confiança na esfera da administração indireta do Governo Federal.

 

Via: Política Livre

  • Compartilhe:

Publicidade