EM DISCURSO, MORO DESTACA AUTONOMIA DA PF NA GESTÃO DO PT

24 de abr de 2020

O ministro da Justiça, Sergio Moro, fez hoje um pronunciamento para informar sobre sua situação no governo Jair Bolsonaro (sem partido). Antes de anunciar se fica ou sai do cargo, Moro reconheceu a autonomia que a Polícia Federal (PF) teve nos governos do PT.

“Foi garantida a autonomia da Polícia Federal durante esses trabalhos de investigação, é certo que o governo na época tinha inúmeros defeitos, aqueles crimes gigantescos de corrupção”, afirmou. “Mas foi fundamental a manutenção da autonomia da PF para que se pudesse realizar esse trabalho”, completou.

Ele destacou também a importância da operação Lava Jato durante o período. “Antes de assumir o cargo, fui juiz federal por 22 anos, tive diversos casos criminais relevantes e, desde 2012, tivemos a operação Lava Jato que mudou o patamar de combate à corrupção no país. Lógico que tem muito a ser feito, mas o cenário foi modificado”, destacou.

 

UOL

  • Compartilhe:

Publicidade