DUAS CRIANÇAS ABAIXO DE 5 ANOS MORREM POR COVID POR DIA NO BRASIL, DIZ FIOCRUZ
28 de junho de 2022

 

O Brasil tem registrado uma média de duas mortes diárias por Covid-19 entre crianças abaixo de cinco anos, faixa etária que ainda não está elegível para a vacinação no país e que vem lotando os hospitais pediátricos.

Em 2020 e 2021, foram 1.439 óbitos nesse grupo, sendo que 48% eram de bebês entre 29 dias e um ano incompleto (pós-neonatal), uma média de 1,9 por dia. Em 2022, são pelo menos mais 291 mortes abaixo dos cinco anos até o dia 11 de junho, uma média de 1,8 por dia.

Para efeito de comparação, desde o início da pandemia, os Estados Unidos, que já estão imunizando essa faixa etária, registraram 442 mortes entre crianças abaixo dos cinco anos por Covid, ou seja, quase um terço (30,7%) do total de óbitos brasileiros. Os EUA têm 3,6 milhões de nascimentos por ano, enquanto o Brasil cerca de 2,6 milhões.

A análise inédita é do Observa Infância, projeto ligado ao Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz). Os números de 2020 e 2021 foram extraídos do SIM (Sistema de Informações sobre Mortalidade) e já passaram por revisão do Ministério da Saúde e das secretarias estaduais de Saúde.

O Nordeste respondeu pela maior parte das mortes infantis por Covid nesses dois anos, com 43,9% do total, em média. A região tem apenas um terço da população de crianças abaixo de cinco anos. Em seguida, vem o Sudeste, com 24,5% dos óbitos. Depois, o Norte (18,1%), o Centro-Oeste (6,1%); e o Sul (7,3%).

Embora o número de mortes de crianças até cinco anos represente apenas 0,22% do total de óbitos por Covid até dezembro de 2021 (668.074) no Brasil, o pesquisador do Observa Infância Cristiano Boccolini, autor principal do estudo, diz que a quantidade não é insignificante. “São quase 1.500 famílias que perderam seus bebês e crianças. É uma tragédia.”

Os dados do Observa Infância levam em conta a Covid como causa básica da morte e também como causa contribuinte. Ou seja, a criança já tinha algum problema de saúde, como uma insuficiência cardíaca congênita, foi infectado pelo coronavírus, teve o quadro piorado e morreu.

Para Boccolini, o número alto de mortes comparado a outros países reflete o grande número de infecções e de mortes pela doença no Brasil associada à desigualdade de acesso aos serviços de saúde entre as regiões do país.

O pesquisador diz que mais estudos serão necessários para identificar o motivo do excesso de mortes de crianças brasileiras quando comparadas com às de outros países, e da concentração dos óbitos no Norte e Nordeste e na faixa etária do pós-neonatal.

Em números absolutos, as mortes infantis brasileiras até cinco anos de idade representam 26,8% dos 5.376 óbitos de crianças nesse grupo registrados em 91 países que possuem dados desagregados por faixa etária, segundo o Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância).

Por considerar a Covid como causa básica e causa contribuinte, o total de óbitos mensurado pelo Observa Infância é 18,3% superior ao divulgado nos boletins do Ministério da Saúde, que só computa a morte por Covid como causa básica. Em 2020 e 2021, as mortes oficiais somam 1.175, segundo os boletins divulgados pela pasta.

“Temos um excesso de mortes por Covid nessa faixa etária abaixo dos cinco anos. A cada dia que passamos sem vacinação para as crianças a partir de seis meses, o Brasil perde duas delas. Isso é inaceitável. O óbito por Covid já pode ser considerado evitável”, diz Boccolini.

Na opinião do infectologista Munir Ayub, membro do comitê de imunizações da SBI (Sociedade Brasileira de Infectologia), não há dúvidas de que a população menor de cinco anos está mais vulnerável à Covid e que precisa ser vacinada. “A questão é saber qual vacina será liberada no Brasil e quando isso vai acontecer”.

Os Estados Unidos começaram na terça (21) a imunizar crianças entre seis meses e cinco anos de idade com as vacinas da Pfizer e da Moderna.

Desde março, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) analisa o pedido do Instituto Butantan para uso da Coronavac entre três e cinco anos, mas ainda não há uma decisão. No dia 8 de junho, a agência ouviu especialistas das sociedades brasileiras de infectologia, pediatria e imunologia, além da Abrasco (Associação Brasileira de Saúde Coletiva).

Na semana passada, a farmacêutica Pfizer informou que prepara a documentação para solicitar à Anvisa a autorização para vacinar crianças entre seis meses e cinco anos, mas ainda não há prazo para que isso ocorra. Ou seja, no momento não há nenhuma vacina sob análise para a faixa etária em que as mortes têm se concentrado, entre 29 dias e um ano incompleto.

Segundo a pediatra Isabella Ballalai, vice-presidente da SBIm (Sociedade Brasileira de Imunizações), crianças menores de um ano são mais vulneráveis a todas as infecções. Nos primeiros meses de vida, os bebês estão protegidos devido aos anticorpos transferidos pelas mães por meio da placenta e do leite materno.

“A gente começa a vacina a partir dos seis meses para que, quando os anticorpos maternos acabarem, elas já estejam protegidas pelas vacinas”, explica a médica.

Segundo a pediatra, é muito importante que a imunização contra Covid chegue para as crianças abaixo de cinco anos e que avance entre aquelas de 5 a 11 anos. A taxa de vacinação nessa faixa está em 37%.

Para a médica, o movimento dos antivacina, ao espalhar boatos sobre eventos adversos graves que nunca existiram, não só assustou os pais sobre a imunização como também acabou com a percepção de risco, com o falso argumento de que a Covid não causa doença grave nas crianças.

“Não é isso que a gente está vendo. A gente sempre priorizou os mais velhos, porque têm uma taxa de incidência maior, mas, com isso, as famílias entenderam que as crianças não correm riscos”, afirma.

O infectologista Ayub lembra também que muitos dos pais de crianças pequenas e mesmo os seus filhos maiores não estão com o esquema completo de vacinação. Com a alta circulação da variante ômicron, associada ao abandono das medidas de proteção, as chances de se infectarem e transmitirem para os seus bebês aumentam bastante.

“O vírus da circulando e está pegando uma população de crianças que não tem proteção nenhuma. Já mata muito mais crianças do que a meningite, doença que todos os pais temem.”

Atualmente, a faixa etária entre zero e cinco anos se tornou a de maior risco de hospitalização pela doença, excetuando a população acima de 60 anos, segundo outra análise da Fiocruz.

Em novembro, esse grupo não representava 5% dos casos semanais de Srag (Síndromes Respiratória Aguda Grave) por Covid-19 no país. De abril em diante, ele passou a responder por até 15% dos registros.

Além dos casos agudos que podem complicar, um outro risco que as crianças correm é desenvolver a síndrome inflamatória multissistêmica pediátrica (SIM-P). A taxa de mortalidade brasileira por uma essa síndrome está em 6%, quatro vezes superior à registrada pelos EUA.

A DOR DA PERDA

Em junho de 2020, três meses após o início da pandemia de Covid-19, a professora Jéssica Ricardi Serafim Ferreira Albuquerque, então com 30 anos, levou seu filho Lucas, de 1 ano e 7 meses, ao hospital em Tamboril (CE). Na ocasião, ele já apresentava sintomas fortes de gripe, com dificuldade para respirar.

No pronto socorro, o médico que o atendeu falou para a mãe não se preocupar, afirmando que crianças pequenas eram assintomáticas e que ele estaria apenas com uma gripe. Receitou então dez dias de antibióticos.

Após esse período, Jéssica falou que o filho piorou. “O cansaço não parou, até chegar ao ponto de dormir cada vez mais cedo e acordar mais tarde. Também não queria comer”.

Levado de novo para o hospital, outro médico o analisou e pediu o teste de Covid, que deu positivo. Na casa, só ele ficou doente. A mãe, o pai e a babá não pegaram a doença.

Ele foi, então, transferido para o Hospital Regional Norte de Sobral, a 153 km de Tamboril, onde ficou internado na UTI por 33 dias até morrer. Nesse período, ele sofreu uma parada cardíaca quando foi intubado e um derrame cerebral. A causa da morte foi síndrome inflamatória multissistêmica, por ter atingido vários órgãos.

“Lucas era meu único filho. Fico com muito medo de engravidar e perder outro filho para essa doença. Até faço tratamento psicológico para não ser uma mãe superprotetora”.

Declarando-se defensora da vacinação, Jéssica espera que a imunização das crianças menores seja autorizada o quanto antes.

“A gente viu o pior que essa doença pode fazer. Se as mães ou os pais soubessem o que a gente passou, se tivessem a visão real do quão perigosa essa doença é, não iam querer passar pelo mesmo. Tem vacina para a gente, mas para eles não tem”, alerta a professora.

 

Cláudia Collucci/Folhapress

  • Compartilhe:

Mais do Mural do Oeste

Mais do Mural do Oeste

22/06/2024 COM PESAR COMUNICAMOS O FALECIMENTO DE DONA DINÔ, MÃE DA EX-VICE-PREFEITA REGINA FIGUEIREDO E DO EX-VEREADOR JORGE FIGUEIREDO   Com pesar o Mural do Oeste comunica o falecimento de Dona Eudina Rocha Figueiredo, conhecida como Dona Dinô. Ela dedicou sua vida a família, aos amigos e sempre foi uma pessoa muito respeitada na sociedade barreirense. Dona Dinô deixará muita saudades nos corações de seus filhos Regina ...
  • Compartilhe:

22/06/2024 DIVERSÃO, FORRÓ E ALEGRIA NO SÃO JOÃO DE BARREIRAS   Alcymar Monteiro, João Bosco e Vinicius, Thullio Milionário entre outras atrações animaram os amantes do forró e do sertanejo   Foi com muito forró pé de serra, baião, xote e o melhor do sertanejo que a Capital do Oeste deu início nesta quinta-feira (20), a festa mais esperada d ...
  • Compartilhe:

21/06/2024 BARREIRAS: GINCANA DO JEB 2024 CHEGA AO FIM COM VITÓRIA DA ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR ITARAJÚ QUEIROZ DOS SANTOS       Encerrou nesta quinta-feira (20), a Gincana dos Jogos Estudantis Barreirense 2024 (JEB), e a grande campeã foi a Escola Municipal Professor Itarajú Queiroz dos Santos. A competição, que reuniu estudantes do ensino fundamental I, do segundo ao quinto ano, de 33 escolas munici ...
  • Compartilhe:

20/06/2024 ABERTAS INSCRIÇÕES PARA MAIS DE 14 MIL VAGAS EM CURSOS TÉCNICOS GRATUITOS NA BAHIA Estão abertas, a partir desta terça-feira (18), as inscrições para o sorteio de mais de 14 mil vagas para 44 cursos técnicos de Educação Profissional e Tecnológica nas formas integrada e subsequente ao nível médio. Os cursos, ofertados pela Secretaria da Educação do Estado, estão distri ...
  • Compartilhe:

20/06/2024 NÃO HAVIA MOTIVO PARA GREVE NAS UNIVERSIDADES, DIZ MINISTRO O ministro da Educação, Camilo Santana, afirmou nesta segunda-feira (17) que o governo tem dialogado com todas as categorias e que não havia motivo para a greve deflagrada por servidores e professores das universidades federais. Segundo o ministro, a expectativa é de que as instituições retome ...
  • Compartilhe:

20/06/2024 SÃO JOÃO DE BARREIRAS: O MAIOR FESTEJO JUNINO DA BAHIA COMEÇA HOJE (20) A Prefeitura de Barreiras está em contagem regressiva para o início do maior São João da Bahia. Amanhã (20), os festejos juninos serão lançados oficialmente e se estenderão até o domingo (23). A montagem da estrutura está sendo finalizada no Centro Esportivo Deputado Luiz Braga, Barreirinh ...
  • Compartilhe:

20/06/2024 BARREIRAS CONTINUA A LIDERAR O RANKING DAS CIDADES MAIS SEGURAS DO BRASIL A Capital do Oeste celebra mais uma conquista significativa ao não aparecer no Atlas da Violência, divulgado anualmente pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Este relatório, elaborado em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), apresenta um panorama atualiz ...
  • Compartilhe:

19/06/2024 ROGÉRIO TAVARES COMEMORA CHEGADA DA REURB AO BAIRRO RIBEIRÃO O bairro Ribeirão, localizado na cidade de Barreiras, está prestes a passar por uma transformação significativa com a implementação do programa de regularização fundiária. Esta iniciativa trará uma série de benefícios para os moradores, promovendo melhorias na qualidade de vida e garanti ...
  • Compartilhe:

19/06/2024 PREFEITURA ORGANIZA UM BELO ESPAÇO PARA O SÃO JOÃO. JÁ ESTA TUDO PRONTO.VAI SER UMA BELA FESTA     Roberto de Sena Mural do Oeste   Visitei nesta terça-feira, 19 de maio, o espaço que a prefeitura está preparando para a festa do São João. Fiquei impressionado com a beleza, a decoração, o espaço de shows, o planejamento de segurança e todas as ações que estão sendo d ...
  • Compartilhe:

19/06/2024 BATE PAPO AGRADÁVEL COM FILHAS DO SAUDOSO ALCYVANDO LUZ Tivemos um belo encontro com as filhas de Alcyvando Luz, Rita Luz e a Promotora de Justiça Cecília Luz. A conversa foi a respeito do Documentário sobre o genial músico barreirense Alcyvando Luz. Um papo agradabilíssimo, cordial e muito descontraído. Cecília se mostrou muito satisfeita com rea ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 TOINHO O PISEIRO É CONFIRMADO COMO ATRAÇÃO PRINCIPAL NA INAUGURAÇÃO DA PAVIMENTAÇÃO EM SÍTIO DO HERMENEGILDO O cantor Toinho O Piseiro foi confirmado como a atração principal na inauguração da tão aguardada obra de pavimentação da comunidade de Sítio do Hermenegildo, localizada no município de Cristópolis. O evento está marcado para o dia 29 de junho, a partir das 18h e promete ser um marco na h ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 HOSPITAL DO OESTE DIVULGA VAGA DE EMPREGO; SAIBA MAIS
  • Compartilhe:

18/06/2024 EM COMITIVA, PREFEITO ZITO BARBOSA VISITA A 18ª BAHIA FARM SHOW EM LUÍS EDUARDO MAGALHÃES     Na última sexta-feira (14), o prefeito de Barreiras, Zito Barbosa, junto com a comitiva formada de secretários e vereadores da Capital do Oeste visitou a 18ª Bahia Farm Show, realizada entre os dias 11 a 15 de junho, em Luís Eduardo Magalhães. Considerada uma das maiores feiras agrícolas ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 ACIDENTE ENTRE MOTO E CARRO DEIXA UM MULHER FERIDA EM IBOTIRAMA Uma colisão entre uma moto e uma carreta deixou uma mulher ferida, na noite desta segunda-feira (17), em Ibotirama. O acidente aconteceu na intersecção da BR-242 com a Avenida Irmã Daniela. A moto deixava a avenida pra acessar a BR, momento em que encontrou a carreta. Conforme informações, no ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 PREFEITURA DE SÃO DESIDÉRIO REALIZA AUDIÊNCIA PÚBLICA DA LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL DO 1° QUADRIMESTRE DE 224 Conforme determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), a Prefeitura de São Desidério realizou na manhã desta segunda-feira, 17, no auditório da Câmara de Vereadores uma Audiência Pública para apresentação das contas referente ao Primeiro Quadrimestre de 2024, Demonstração de Execuçã ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 ILUMINA BARREIRAS INAUGURA O CENTRO DE CONTROLE OPERACIONAL DO PARQUE DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA DA CAPITAL DO OESTE   Desde o mês de janeiro, a Prefeitura de Barreiras por meio da Concessionária Ilumina Barreiras, realiza o maior projeto de modernização, manutenção e telegestão do Estado da Bahia no Município. Nesta sexta-feira (14), com objetivo de avançar ainda mais nas ações de controle e operacio ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 DIA DO ALGODÃO 2024 CONFIRMA PROGRAMAÇÃO COM RENOMADOS ESPECIALISTAS DO SETOR AGRÍCOLA BRASILEIRO O evento será realizado no dia 20 de julho, na Fazenda Orquídeas, em Barreiras, no oeste da Bahia.   Com o compromisso de proporcionar aos cotonicultores o que há de melhor e mais moderno em pesquisa e tecnologia, o Dia do Algodão 2024 confirma a programação com renomados especialistas da cot ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 HEITOR COSTA PASSA MAL DURANTE APRESENTAÇÃO NA BAHIA Sensação do Arrocha em 2024, o cantor Heitor Costa, de 21 anos, colhe os frutos do sucesso com uma das maiores agendas de shows do São João. No entanto, em meio às bonanças, o artista se deparou com o ônus de uma vida corrida na estrada e passou mal durante uma apresentação na Bahia. O [&he ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 DETRAN-BA REALZA LEILÃO DE CARROS COM VALORES A PARTIR DE R$ 2 MIL O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-BA) está com dois editais abertos com oferta de veículos a partir de R$2 mil. São 610 lotes com veículos conservados e sucatas aproveitáveis disponíveis em Salvador e mais oito cidades do interior do estado. Entre os destaques estão um Chevro ...
  • Compartilhe:

18/06/2024 VEREADORA PASTORA IVETE RICARDI: UM PILAR DO TRABALHO SOCIAL EM BARREIRAS A vereadora Pastora Ivete Ricardi tem se destacado como uma figura de grande relevância no cenário político e social de Barreiras. Com uma atuação marcada pelo contato direto com a população, Ivete Ricardi vai além das funções legislativas tradicionais, dedicando-se intensamente ao trabalh ...
  • Compartilhe:

Publicidade

Publicidade