COM A DECISÃO DO SUPREMO, LULA PODE SER SOLTO

07 de nov de 2019

Com a decisão do Supremo Tribunal Federal derrubando por 6 a 5 a prisão em segunda instância, o ex-presidente Lula pode ser solto. Basta agora que a defesa do petista  recorra da decisão da sentença do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), quando manteve a condenação da segunda instância, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), que decidiu pela prisão do ex-presidente por 8 anos, 10 meses e 20 dias, no caso do Tríplex.

De acordo com informações que circulam na imprensa, a defesa de Lula deve entrar com pedido de soltura nesta sexta-feira e cumpridas as formalidades legais o ex-presidente poderá ganhar a liberdade..

  • Compartilhe:

Publicidade