BARREIRAS: CARMÉLIA DENUNCIA QUE PREFEITURA NEGA MAIS UM REAJUSTE DOS SERVIDORES

14 de jul de 2021

Na manhã de terça-feira, 13 de julho de 2021, a presidente do Sindsemb, Carmélia da Mata protocolou mais um ofício solicitando a reconsideração do Ofício n°029/21, com a decisão negativa de reajuste, requerendo abertura de diálogo e mesa de negociação com o município, baseado, principalmente, nos efeitos da pandemia, nas perdas inflacionárias, redução de renda familiar devido ao falecimento de membros e/ou desemprego, servidores na linha de frente e o compromisso assinado pelo prefeito Zito em 2020, que se o município mantivesse a arrecadação, concederia a recomposição das perdas inflacionárias dos servidores.

“Estamos em pandemia, nossos servidores trabalhando na linha de frente em todos os setores, principalmente saúde e segurança pública, com índice de mortalidade na categoria por Covid-19, a cesta básica mais cara, a inflação não para e nossos salários achatados. Fomos esquecidos pelo Governo Municipal, pois diante de nossos olhos, em municípios vizinhos assistimos a sensibilidade dos prefeitos que estão sim, concedendo o reajuste. Vamos aguardar, a sensibilidade e quem sabe, uma resposta positiva para que possamos sentar e dialogar sobre a valorização dos servidores de Barreiras”, destacou a presidente Carmélia.

Conforme a Assessoria Jurídica do Sindsemb, o oficio ainda encaminha a orientação seguida pelos municípios do Estado da Bahia para a concessão da recomposição inflacionária dos servidores, emitida pelo TCM/BA, órgão responsável pela fiscalização das contas dos municípios baianos, além da Nota Técnica do Ministério da Economia,

Fonte:Simdsemb

  • Compartilhe:

Publicidade