BOLSONARO NEGA QUE TENHA DEFENDIDO TRABALHO INFANTIL

05 de jul de 2019

 

Um dia depois de dizer, em sua live no Facebook, que não se sentia “prejudicado em nada” por ter colhido milho aos “nove, dez anos de idade”, Jair Bolsonaro negou nesta sexta-feira que tenha defendido o trabalho infantil.

“Não estou defendendo trabalho infantil, muito menos trabalho escravo. Mas me fez muito bem trabalhar. Me transformou fisicamente muito bem. Depois fui ser pentatleta das Forças Armadas”, disse o presidente.

Bolsonaro falou também: “Eu disse, na própria live, que não defenderia. Que não enviaria um projeto neste sentido. Mas eu trabalhei desde 8 anos de idade quebrando milho, plantando milho com matraca, colhendo banana próximo aos 10 anos de idade e estudava. E hoje eu sou o que sou.”

 

Via: O Antagonista

  • Compartilhe:

Publicidade