BOLSONARO É ALVO DE PANELAÇOS DE NORTE A SUL DO PAÍS

15 de jan de 2021

 

O presidente Jair Bolsonaro é alvo de panelaços nas principais cidades do País na noite desta sexta-feira, 15. A manifestação contrária ao mandatário foi convocada por movimentos sociais após o agravamento da situação da Covid-19 em Manaus. Na quinta, 14, vários hospitais da cidade ficaram sem oxigênio, o que levou à morte por asfixia de pacientes internados com o vírus.

Aos gritos de “genocida” e “assassino”, manifestantes bateram panela em São Paulo em bairros como Pinheiros, Santa Cecília, Higienópolis, Barra Funda, Butantã, Pompeia e Vila Romana por volta das 20h30. Em Florianópolis, bairros centrais também tiveram protestos na noite desta sexta.

Em Belo Horizonte, além de panelas e gritos de “Fora Bolsonaro”, houve buzinaço no Centro e no bairro de São Pedro.

Em Brasília, há registro de panelaço na Asa Norte.

A hashtag “#BrasilSufocado” e a convocação do panelaço começaram a ser disseminadas pela Frente Povo Sem Medo – organização que reúne movimentos sociais, centrais sindicais e partidos de esquerda – às 8h55.

A iniciativa ganhou a adesão de celebridades como o apresentador Luciano Huck, que compartilhou em seu perfil no twitter uma imagem com as palavras: “Sem oxigênio, sem vacina, sem governo. Panelaço sexta 15.01 20h30 #BrasilSufocado”. Os temos “#ImpeachmentBolsonaroUrgente”, “Luciano Huck” e “panelaço” entraram para os trending topics do Twitter no início da tarde.

 

Estadão Conteúdo

  • Compartilhe:

Publicidade