PRESIDENTE DO SINDSEMB QUESTIONA INFORMAÇÕES SOBRE PAGAMENTO DE PROGRESSÃO VERTICAL AOS EFETIVOS DA CÂMARA DE VEREADORES

13 de jul de 2018

 
Nessa manhã de quinta-feira, 12 de julho, a presidente Carmelia da Mata questionou publicamente a divulgação da matéria na imprensa local, informando sobre o pagamento de progressão vertical e capacitação aos servidores da Câmara de Vereadores. Segundo informações, foram apenas 05 servidores beneficiados, mas conforme dados sindicais em torno de 15 servidores efetivos ainda aguardam o posicionamento da mesa diretora e jurídico.
A presidente do Sindsemb, Carmelia da Mata, informou que encaminhou o ofício 018/18 em fevereiro ao presidente Gilson Rodrigues, com cópia para os membros da mesa diretora, assessoria jurídica e direção dos Recursos Humanos, solicitando a designação de mesa de negociação para tratar da progressão vertical e cursos de capacitação para todos os servidores que possuem direitos já adquiridos. Logo após, a presidente Carmelia e a advogada Angela foram até a Câmara, e conversaram com a assessoria jurídica, sobre assuntos pertinentes aos direitos dos servidores, e mais uma vez, pediram que aguardassem pela resposta oficial. No mês de abril, novamente a mesa diretora foi oficiada pelo documento 056/18  reforçando a solicitação de mesa de negociação, para trazer medidas resolutivas aos direitos de progressão e cursos de capacitação.
“Estamos acompanhando o processo desde o início, solicitando e encaminhando documentos à Casa Legislativa, para que escute os servidores e o sindicato, proporcionando assim a devida valorização dos colaboradores efetivos. Mas ontem, fomos pegos de surpresa com essa matéria, que na verdade é um ponto positivo, porque pagará os direitos aos servidores dos serviços gerais, mas e os demais?. Até agora não recebemos nenhuma resposta dos ofícios, o que demonstra a falta de sensibilidade e diálogo com a categoria”, ratificou Carmelia.
O sindicato ainda aguarda o posicionamento do poder legislativo para a reunião conjunta com os servidores efetivos, mesa diretora, assessoria jurídica e diretoria do Sindsemb.
  • Compartilhe:

Publicidade