AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE IMPLANTAÇÃO DO COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR É REALIZADA EM BARREIRAS

30 de jun de 2018

Na manhã desta sexta-feira (29), educadores, estudantes, representantes de diversos setores da sociedade civil e membros da Policia Militar e da Secretaria Estadual da Bahia discutiram, em audiência pública, o projeto de instalação da primeira unidade do Colégio da Policia Militar no oeste baiano. A iniciativa partiu do deputado Antonio Henrique Júnior que desde o início do mandato parlamentar tem se empenhado para concretizar essa antiga reivindicação da população barreirense. “Os pais terão, com a implantação do CPM, uma nova alternativa, um novo perfil de escola para oferecer aos seus filhos. Os estudantes vão ganhar uma instituição que é referência em qualidade de ensino e que vem apresentando um ótimo desempenho no IDEB – Índice de Desenvolvimento da Educação Básica. Essa escola vai dar grande contribuição para o desenvolvimento da educação na região”, garantiu o deputado.

O diretor de ensino e pesquisa da Polícia Militar da Bahia, coronel Sérgio Baqueiro, elogiou a iniciativa do deputado Antonio Henrique Júnior e abordou os principais objetivos a serem alcançados com a implantação do CPM: “É uma escola pública que prepara bem o  aluno para que ele tenha chances reais de ingressar na faculdade. ”, comentou.

Ney Campello, superintendente de políticas para a educação básica da Secretaria Estadual de Educação, que também foi aluno do Colégio da Polícia Militar, em Salvador, contou sobre a experiência vivida na instituição: “Tenho orgulho de dizer que, no CPM aprendi valores que não são militares, são valores humanos universais: disciplina, respeito, solidariedade e fraternidade. Temos hoje uma sociedade em processo de degradação, por ter perdido muito desses valores”, avaliou.

O secretário estadual de planejamento, Antonio Henrique, o presidente da Câmara de Vereadores de Barreiras, Gilson Rodrigues, a reitora da Universidade Federal do Oeste da Bahia, Iracema Veloso, o professor Joaquim Neto, diretor do campus IX da Uneb e o comandante do policiamento na região, coronel Osival Moreira Cardoso, também marcaram presença na reunião.

  • Compartilhe:

Publicidade