ACM NETO DEFENDE INVESTIGAÇÃO SOBRE MORO

10 de jun de 2019

Prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, ACM Neto (DEM)

O prefeito de Salvador, presidente nacional do DEM, ACM Neto (DEM), avalia que é prematuro pedir o afastamento do ministro da Justiça Sérgio Moro, mas defende a necessidade de que se investigue se Moro agiu de forma ilegal após o vazamento de mensagens entre ele e procuradores da Operação da Lava Jato. “É prematuro dizer isso. Tomamos conhecimento ontem do vazamento dessas mensagens. É preciso primeiro aguardar os fatos, saber se ele cometeu algum tipo de ilegalidade, ou não, para julgarmos”, frisou, em entrevista coletiva durante o lançamento da operação de combate ao trabalho infantil. Para ele ainda a polêmica não abre margem para uma revisão da condenação do ex-presidente Lula. “Ela aconteceu de maneira técnica. A condenação foi confirmada pelo TRF-4 e Lula não teve êxito nos recursos. Não se trata apenas de uma decisão de primeira instância”, enfatizou. Neto disse ainda acreditar que o vazamento das conversas não prejudicará o andamento da reforma da Previdência.

 

 

Via: Política Livre

  • Compartilhe:

Publicidade