ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA O ENEM 2021; SAIBA COMO SE INSCREVER

01 de jul de 2021

 

 

Foram abertas na manhã de hoje, 30 de junho, as inscrições para a edição de 2021 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os interessados poderão efetuar a inscrição até 14 de julho.

Faça sua inscrição no Enem 2021

A taxa de inscrição do Enem 2021 é de R$ 85, mesmo valor do ano passado, e poderá ser paga até o dia 19 de julho em qualquer banco, casa lotérica, aplicativos bancários e agências dos Correios.

Os candidatos que conseguiram a isenção da taxa de inscrição estão dispensados do pagamento. Os pedidos foram enviados entre 17 e 28 de maio, e o resultado foi divulgado no dia 9 de junho.

Como fazer a inscrição no Enem 2021

Primeiro, os estudantes deverão fazer um cadastro no portal gov.br, criando um login e uma senha. Feito isso, basta acessar a Página do Participante para iniciar a inscrição. Quem já está cadastrado no gov.br pode ir direto para a Página do Participante.

A inscrição do Enem 2021 é dividida em etapas:

1) Informe os dados pessoais, como CPF, data de nascimento, cor/raça entre outros;
2) Informe sua cidade e endereço;
3) Necessidade de atendimento especializado;
4) Opção de língua estrangeira (inglês ou espanhol);
5) Escolaridade;
6) Preencha o questionário socioeconômico;
7) Número de celular e e-mail para contato;
8) Escolha entre a versão impressa ou digital da prova;
9) Escolha seu local de prova
10) Faça o upload de uma foto
11) Gere o boleto, se não for isento.

No caso do Enem Digital, poderão participar apenas os estudantes que concluíram o ensino médio ou irão concluir este ano. Os chamados treineiros poderão fazer apenas a prova impressa.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizou 101.100 vagas para o Enem Digital 2021, mesma quantidade da edição anterior. As provas digitais serão aplicadas em 110 cidades de todos os estados e Distrito Federal.

Atendimento especializado

Durante a inscrição, é possível solicitar atendimento especializado no Enem. O benefício é voltado para pessoas com deficiências auditiva, visual, física ou mental, pessoas com discalculia, autismo, dislexia ou déficit de atenção, além de gestantes, lactantes, idosos e pessoas em classe hospitalar.

Diferentemente da edição do ano passado, o Enem 2021 permitirá que participantes da prova digital solicitem atendimento especializado. As opções de acessibilidade são: tradutor-intérprete de LIBRAS, prova com letra ampliada ou superampliada, tempo adicional e sala de fácil acesso.

Os interessados em fazer a prova impressa também podem solicitar prova em braile, videoprova em LIBRAS, uso de leitor de tela, guia-intérprete, auxílio para leitura, auxílio para transcrição e leitura labial.

Provas

As provas impressas e digitais do Enem 2021 serão aplicadas nos mesmos dias: 21 e 28 de novembro, dois domingos. O formato segue o mesmo dos anos anteriores, com 5h30 de duração no primeiro dia e 5h no segundo.

Dia 21/11: Linguagens e Códigos; Ciências Humanas; Redação

Dia 28/11: Ciências da Natureza; Matemática

Cada prova do Enem é formada por 45 questões objetivas de múltipla escolha, totalizando 180 itens. A prova de redação cobra um texto dissertativo-argumentativo.

O resultado do Enem 2021 deverá ser divulgado em janeiro de 2022. Mais informações no Edital do Enem 2021 impresso e no Edital do Enem Digital 2021.

 

  • Compartilhe:

Publicidade